Fundado em 2010 pelo Maestro Allan Christian, o Aurora Sonoris foi concebido como um grupo internacional de jovens compositores, regentes, instrumentistas e pesquisadores. O grupo tem como objetivo a composição musical, a performance, a reflexão e a discussão acerca da práxis musical e da interdisciplinaridade da arte no séc. XXI. O Aurora Sonoris conta com membros no Brasil, Finlândia, França, Sérvia, Ucrânia, Coréia do Sul e Portugal, exercendo considerável atividade artística nestes locais.

      O grupo foi criado com o intuito de atuar como um polo de discussão e intercâmbio artístico-científico, de forma a viabilizar a produção, a execução e a divulgação mútua do trabalho de cada um dos seus membros e grupos afiliados nos países onde o Aurora Sonoris atua, culminando na produção artístico-científica de composições musicais, realização de concertos e a produção de artigos e papers. 

      No Brasil, o Aurora Sonoris conta com uma orquestra, coro e diversas formações camerísticas, mantendo o foco no repertório dos sécs. XX e XXI. Além destes grupos, o Aurora Sonoris conta também com diversos grupos instrumentais e vocais afiliados, de diversas nacionalidades.

            Hoje, o Aurora Sonoris atua também na educação, dispondo de uma seleta equipe de professores, oferecendo cursos e treinamentos específicos e também para o público em geral.